Conheça a IBag: a bolsa que pretende evitar compras por impulso.

a-pequena-consumidora

Quem diria que um dia carregar bolsa seria algo útil para nós evitássemos fazer compras? Pois é.

É com esse propósito que esta sendo criada a IBag.

ibag

Em janeiro desse ano a empresa abriu suas portas para que investidores doassem cerca de 3 dólares por mês para o desenvolvimento da bolsa que promete diminuir as compras por impulso das consumidoras de plantão.

A bolsa é controlada por um chip que pode ser programado para alertar a dona da bolsa sobre sua proximidade de lojas que representem perigo para seu cartão de crédito, alerta também quando a pessoa retira seu cartão da bolsa por mais tempo do que o necessário e até trava o zíper para que a pessoa não consiga pegar seu cartão.

30_ibag

ibag-flora-gps

A empresa se propõe a proteger as consumidoras em momentos vulneráveis rastreando suas compras a cada vez que você pega sua carteira; programando a sua bolsa para se fechar e bloquear o zíper nos horários que você costuma consumir mais (tipo no intervalo do trabalho, ou em passeios de sábado); enviando um SMS para um amigo que te ajude a controlar suas finanças todas as vezes que você estiver em uma zona de perigo; ou ainda acendendo as luzes de LED internas da bolsa quando você entrar em locais suscetíveis ao consumo.

li_smartbag2

Segundo a Creditcard Finder, empresa criadora da IBag, a solução da bolsa pode parecer meio extrema. Mas pesquisas apontam que uma entre quatro pessoas que usam cartão de crédito não conseguem pagar suas contas no final do mês.

E para perder o controle, basta um passeio no shopping.

Ainda segundo o site, essas pessoas com dívidas geralmente efetuam mais de três compras sem planejamento e por impulso por mês. Descontrole que gera problemas financeiros.

Consumidoras compulsivas podem se inscrever no site para ter a bolsa e, caso haja interessadas o suficiente, a empresa produzirá as bolsas ao preço de 199 dólares.

Achei caro…. e acho que quem já tem dívidas não deveria fazer mais uma comprando uma bolsa que promete controlar suas compras por impulso. AFINAL ESSA TAMBÉM PODERIA SER UMA COMPRA POR IMPULSO.

Mas no fundo achei a ideia legal e sugiro uma solução mais barata:

1 – Deixe seu cartão de crédito em casa. Só saia com ele se tiver o objetivo específico de comprar algo mais caro.

2 – Ou então coloque em um local da bolsa bem difícil de pegar. Assim, ao fazer um compra, você terá ao menos uns minutos para pensar se a compra vale a pena ou não, enquanto pegar o cartão.

3 – No meu caso, meu cartão de débito é junto com o de crédito, portanto optei pelo bloqueio da função de crédito.

4 – Compre somente o planejado. Nada de despesas fora do orçamento. Com certeza até o final do mês surgirão novas contas a pagar e o dinheiro já estará comprometido pelas comprinhas extras.

5 – Utilize a tecnologia a seu favor: o foursquare, aplicativo de localização, avisa quais lojas estão mais próximas de você. Assim você pode entrar no site dessas lojas e pesquisar onde o produto que você precisa esta sendo ofertado com mais desconto. Ou ainda, se não tiver nada necessário a comprar, utilize esse localizador para passar longe dessas lojas e evitar o consumo.

Não me levem a mal. Não sou contra cartões de crédito. Aliás, em algumas ocasiões eles podem facilitar muito uma compra e garantir que seu dinheiro renda mais tempo de juros em seus investimentos do que no bolso de outra pessoa. Porém cartões de crédito são uma ferramenta para as pessoas com cautela, juízo, muito organizadas e controladas.

Se você não tem alguma dessas características, pule fora dos gastos com cartão de crédito.

Comprar quando você tem um dinheirinho a mais já não é legal, pois podem surgir imprevistos e sem uma reserva você poderá adquirir sérias dívidas. Mas comprar a longo prazo, acumular prestações e sucumbir a um consumismo por impulso pode ser ainda pior.

Vale lembrar que a IBag e as minhas dicas são exclusivamente para evitar o consumo compulsivo. Quem quer juntar uma graninha ainda tem que aprender a poupar, investir, economizar, entre outros termos que vivo falando com vocês e que estão em outros posts do blog Menina de Negócios.

Se alguém tiver alguma dúvida, crítica ou sugestão, por favor, nos envie pois responderemos prontamente.

E boa sorte pra gente! 😉

 

Anúncios

Um pensamento sobre “Conheça a IBag: a bolsa que pretende evitar compras por impulso.

  1. Achei bacana a ideia mas compartilho da mesma opinião que você. Para o ‘auto-controle’ nada melhor do que o planejamento, eu já me enrosquei com cartões de crédito o meu também é junto com o de débito e tem função bloqueada. Tenho um outro que utilizo apenas para compras online e de maior valor e fica sempre guardado em casa para evitar ‘surtos’

    Curtir

Poste aqui sua dúvida, comentário, crítica ou sugestão. E seja muito bem vindo (a) ao blog Menina de Negócios. :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s