Idéias para ficar milionário!

Hoje acordei com meu espírito empreendedor mais acirrado do que nunca. Porém infelizmente a vontade de ter uma idéia genial, não vem aliada com essa idéia. Ou seja, quebrei a cabeça o dia todo e ainda não cheguei a idéia nenhuma.

É claro que não espero que nada caia do céu! Nem que de uma hora para outra eu vire a próxima Steve Jobs  e transforme o dinheiro de uma Kombi e de uma calculadora científica, na Apple em 1976. Ou ainda o que eu seja uma Chad Hurley ou Steve Chen, então com 27 e 25 anos, respectivamente,  e crie um programa de computador para dividir vídeos com meus amigos. Cerca de 20 meses depois, a invenção do nosso querido You Tube foi comprada por US$ 1,65 bilhão pelo Google, haja dinheiro!

E a minha lista de exemplos de quem eu NÃO SOU vai longe. Posso citar Michael Dell que fundou sua empresa em 1984, quando tinha 19 anos e míseros US$ 1.000 no bolso; Mark Zuckerberg, que criou um site para que seus colegas colocassem fotos e trocassem informações e criou o Facebook; Sergey Brin, russo, 23 anos, e Larry Page, americano, 24 anos que criaram o BackRub futura Google; titio Bill Gates, com seus amigos Paul Allen e Steve Ballmer, que criaram a Microsoft enquanto ainda eram meros estudantes de Harvard; ou ainda o Japa Akio Morita, que trabalhando nas ruínas de uma loja de departamentos de Tóquio no pós-guerra criaram a Sony.

Mas com tantas mentes geniais que eu NÃO sou, o que EU SOU DE FATO?

Na verdade há um ponto em comum entre todos esse gênios do empreendedorismo que é muito importante: eles eram jovens! Não eram milionários, não tinha milhares de idéias, nem sonhavam que suas idéias lhes renderiam milhões ou até bilhões.

Nota-se em quase todos os casos que a grana era pouca, a infraestrutura era quase inexistente, eles eram meros estudantes e geralmente pessoas de coragem. Esse é o grande segredo: coragem! Nenhum deles, ao que parece, desenvolveu sua idéia com a certeza de que ficariam ricos. Todos se aperfeiçoaram dentro da área que lhes interessava e fazendo o que mais gostavam atingiram o sucesso.

O site Pequenas empresas Grandes negócios é um exemplo disso e diz que o interesse pessoal pode virar uma empresa.

“Muitas vezes o empreendedor só precisa de uma motivação para despertar a vontade de montar o seu próprio negócio.”

“Muitas vezes a pessoa só precisa de uma motivação para despertar a vontade de ser um empreendedor e montar o seu próprio negócio.” Jornalista José Tarcísio da Silva Oliveira Filho

Essa injeção de ânimo e a determinação para se trabalhar com o que gostamos pode ser um grande passo para o sucesso de um profissional. Dizem que a geração Y ou geração do Milênio, entre seus 20 e 35 anos, é uma geração que domina as novas tecnologias, ignoram hierarquias, valorizam a colaboração e o imediatismo, atuam globalmemte, e preocupam-se com a sustentabilidade. Ou seja, estamos com a faca e o queijo na mão para fazermos o que quisermos em um mundo completamente livre de limites, basta planejarmos.

Até mesmo casa para mendigos já foram inventadas! O designer inglês Paul Elkins propôs um abrigo móvel como solução para os sem-teto em  uma competição que pediu ideias para resolver a crescente população de sem-teto. Assim podemos perceber que não há limites para as criações contanto que bem feitas.

Pergunto a vocês: quem quer ficar rico? Aposto que todos responderam que SIM!

Agora: o que vocês estão fazendo para isso se tornar realidade?

Todo mundo quer ficar rico, mas as pessoas não planejam como fazer isso. Esperam que isso venha através do trabalho duro do dia-a-dia. A maioria de nós pensa que apenas trabalhando duro ficará rico um dia. E isso não é verdade. Você tem que planejar como ficar rico, como você planeja uma viagem ou a compra de uma nova casa.

Então aí vai a dica de hoje: Não aguardem pela idéia que vai mudar o mundo. Descubram o dom e o desejo dentro de cada um, planejem e dêem o seu melhor que, cedo ou tarde, a recompensa virá.

Anúncios

7 pensamentos sobre “Idéias para ficar milionário!

  1. Muito legal o post, só fiquei triste pq tds esses caras ficaram ricos com tecnologia, ninguém ficou rico com coisas mais simples. E agora tá meio tarde pra mudar de ramo. ;P

    Será que dá pra ficar milionário abrindo uma lanchonete? Deu certo pros donos do Mc’Donalds e Burguer King….

    Curtir

  2. Ahh Tatix, agora vou ter que comentar!
    ehuehue
    gostei do jornalista!

    Querer ficar rico é abrir mão de muitas coisas, e coisas que você gosta, da sua vida, das pessoas. Mas a realização de muitos está no dinheiro, então abrir mão algumas coisas pode não ser nada perto do sucesso financeiro. E o que tem isso? Nada demais. Se isso faz com que a vida da pessoa tenha sentido, que dedique o seu tempo neste mundo para juntar aquilo que o homem criou e chamou de dinheiro [e que hoje vale tanto ou mais que nossos instintos de natureza].

    Lembro uma vez que o Roberto Justus (rsrs) falou que quando era jovem, nos seus vinte e pouco anos, não via nem a mulher e os filhos direito para poder trabalhar. Ele perdeu o crescimento do seu filho e hoje nem está mais com a sua mulher da época. Ele diz isso com orgulho, com se fosse um exemplo para os aspirantes que o ouviam. Mas não acho que seja um exemplo.

    Temos que colocar na balança. O que é importante na vida: juntar dinheiro, ser rico, mesmo que isso custe a perda de bons momentos? Trabalhar com o que gostamos, mesmo que isso nos dê pouco dinheiro e tomo algumas horas extras? Ou que o trabalho seja secundário e então definimos uma outra prioridade na vida que não seja dinheiro ou realização profissional?

    É dificil de definir. Eu acho que o segredo de tudo, é fazer o que gosta. Enquanto fazemos isso, seremos inteligentes e espertos se conseguirmos uni-lo com este espírito empreendedor que você cita em seu post. É a maneira mais fácil de termos o chamado sucesso na vida (não é sucesso profissional, é sucesso na vida mesmo). Não será em todos os casos que essa “lei” será válida, mas com certeza deu certo para uns tals de Bill Gates, os McDonalds, Disney e por aí vai.

    Curtir

  3. Zeta sempre com palavras sábias!!!
    Eu acho q a questão está em se ter dinheiro pelo menos pra poder viajar sempre, poder investir em si mesmo e essas coisas assim.
    Ms no final eu vou mesmo é fazer o q a Tatix tiver fazendo, huahuahuahua
    Pq eu sei q vai dar certo! huahuahuahua

    ps: Zeta, eu tb acho chikérrimo qd a Tati cita a gnt como “a jornalista fulna d tal”, huahuahua

    Curtir

Poste aqui sua dúvida, comentário, crítica ou sugestão. E seja muito bem vindo (a) ao blog Menina de Negócios. :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s